Papo com diretor argentino no Festival do Rio

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Making of | 29/09/2009 - 07h58

O cineasta argentino Juan José Campanella defendeu uma maior integração entre os produtores de cinema da América Latina e, para isso, considerou necessário que os povos aprendam mais sobre as diferentes culturas da região.

No entanto, o diretor atribuiu essa responsabilidade não ao cinema, mas aos sistemas educacionais, que, segundo ele, poderiam dar mais atenção à herança comum latino-americana.

"Em vez de aprender tanto a história dos fenícios e dos persas na escola, poderíamos estudar mais sobre os países da América Latina e, a partir disso, começar a se interessar um pouquinho mais pelos que nos cercam", disse Campanella em entrevista à Agência Efe, dentro do Festival Internacional de Cinema do Rio de Janeiro.

Campanella visita o Brasil pela primeira vez e apresenta seu último filme, "O Segredo dos seus Olhos", baseado no romance de Eduardo Sacheri. O longa fala sobre a reabertura de um caso judicial que, após 25 anos de investigação, ainda não foi resolvido.

Saiba tudo sobre o Festival do Rio

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig

Palavras-chave: cinema , Festival do Rio , argentino , diretor , filme ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos