Por racismo, jogo sub-21 entre Sérvia e Inglaterra termina em pancadaria

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Futebol Internacional | 18/10/2012 - 14h37

A Federação Sérvia de Futebol pode ser punida pela Uefa por conta das denúncias de racismo feitas por atletas da equipe sub-21 da Inglaterra, após o confronto entre as seleções, nesta terça-feira (16/10), na cidade sérvia de Krusevac, pelas eliminatórias da Euro sub-21.


Os ingleses reclamam que os torcedores sérvios imitaram macacos e atiraram objetos nos atletas negros do time britânico.


A confusão começou após a Inglaterra marcar o gol da vitória por 1 a 0 nos acréscimos e o meia Danny Rose, que é negro, chutar uma bola na direção da torcida sérvia.


Expulso pelo árbitro, ele saiu reclamando que estaria sendo insultado de maneira racista pelos torcedores e ainda fez gestos irônicos para as arquibancadas. Foi o suficiente para começar uma briga generalizada envolvendo atletas e comissões técnicas das duas equipes.


Em comunicado, a FA (Associação Inglesa de Futebol), condenou o racismo da torcida sérvia: "A FA condena tanto as cenas de racismo como as de confronto ao apito final de um jogo em que nossa equipe foi provocada de maneira extrema", diz trecho da nota. "A FA já reclamou cao final da partida dos insultos dirigidos aos jogadores negros da Inglaterra por parte dos torcedores. Agora, o problema está nas mãos da Uefa".


Leia mais em iG Esporte.

Palavras-chave: punição , partida , racistas , sérvias , futebol internacional , macacos , euro sub-21 , macaco , torcedor , inglaterra , denúncias , racista , zoomin , euro , torcida , gesto , denúncia , sub-21 , sérvia , futebol , gestos , sérvios , preconceito , ingleses , jogo , torcedores , Danny Rose , eliminatórias , atleta , atletas , racismo , sérvio , jogador ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos