1,2 mil têm perfil investigado no Orkut

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 04/08/2009 - 13h52

Depois de mais de um ano da parceria com o Google, o Ministério Público Federal de São Paulo já quebrou o sigilo de mais de mil perfis do site de relacionamento Orkut. O acordo, firmado em junho de 2008 procura combater a pornografia infantil.

Desde então, mil 287 páginas do orkut tiveram o sigilo quebrado e outras ainda continuam sob investigação. Destes casos, só no estado de São Paulo, foram instaurados 263 inquéritos policiais.

As reclamações sobre conteúdos impróprios na internet, incluindo pedofilia, xenofobia e racismo, podem ser feitas pelos sites da organização não-governamental Safernet e do Digi-Denúncia.

Acompanhe as notícias do Brasil e do mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: perfil , internet , denúncia , orkut , investigação ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos