Agrotóxico contamina leite materno

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 21/03/2011 - 21h59

Uma pesquisa revelou que há contaminação do leite materno por agrotóxicos usados em plantações de Lucas do Rio Verde, no Mato Grosso. Os níveis encontrados estão bem acima da média.


As amostras foram colhidas de 62 mulheres atendidas pelo programa de saúde da família do município a 350 km de Cuiabá. Os níveis de agrotóxicos encontrados estão bem acima da média e põem em risco a saúde humana.


Em 100% das amostras foi encontrado ao menos um tipo de agrotóxico e em 85% dos casos foram encontrados entre 2 e 6 tipos.


A substância com maior incidência é conhecida como DDE, um derivado de outro agrotóxico, DDDT, proibido pelo Governo Federal em 1998 por provocar infertilidade no homem e abortos espontâneos nas mulheres.


Embora os agrotóxicos sejam necessários para as plantações, não existe nenhuma barreira física que impeça o produto de se espalhar pela região com a ação do vento.


Leia mais sobre vida saudável em iG Saúde.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em

Último Segundo.

Palavras-chave: agricultura , Agrotóxicos , abortos , leite , cidade , plantações , município , saúde , Lucas do Rio Verde , leite materno , Band , riscos , infertilidade , Mato Grosso , contaminação ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos