Brasil é número 1 no ranking em assassinatos homofóbicos

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 07/10/2013 - 13h50

O Brasil, considerado uma potência econômica, ainda apresenta números de terceiro-mundo em relação aos direitos humanos.

De acordo com o Grupo Gay da Bahia, a mais antiga associação de defesa dos direitos humanos dos homossexuais no Brasil, o país ocupa o 1º lugar no ranking mundial de assassinatos homofóbicos.

Pesquisa aponta que o número de assassinatos de homossexuais, travestis e lésbicas aumentou em 31,3% no ano de 2010, se comparado com os números de 2009 (com 260 casos), ante 198 em 2009. O risco de um homossexual ser assassinado no Brasil é 785maior que nos Estados Unidos.

Outros importantes dados foram divulgados: o Nordeste concentra 43% dos homicídios contra integrantes das comunidades LGBT (lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais). Afirmou-se que o risco de um homossexual ser assassinado no Nordeste é 'aproximadamente 80% maior' do que no Sudeste.

Leia mais em iGay.

Palavras-chave: homossexual , gay , assassinato , assassinatos , homofobia , homofóbicos , homofóbico , eua , estados unidos , risco , brasil , ranking , risco , zoomin , grupo gay da bahia ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos