Brasileira luta contra decisão do STF que determina que filha volte aos EUA

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 20/01/2015 - 10h30

A publicitária Flávia Harpaz, mãe de Samanta, de 6 anos, disputa com o ex-marido a guarda da criança. O casal teve Samanta nos Estados Unidos e se separou de forma conturbada e violenta. 

Em 2009, a Justiça americana exigiu que Mauricio Levy Sadicoff mantivesse distância de Flávia e da filha. Ao ganhar uma autorização para passar 16 dias no Brasil com Samanta, Flávia trouxe a filha com pouco menos de um ano e nunca mais retornou aos Estados Unidos alegando medo. 

Em novembro, o STF (Superior Tribunal Federal) decidiu, por três votos a dois, que a criança deve voltar para seu país de origem. 
O processo, porém, ainda está em fase de recursos, a publicitária teme que o caso dela termine como a de do menino Sean Goldman, que retornou aos Estados Unidos em 2009, após decisão do STF.

Leia mais notícias do Brasil e do mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: brasileira , filha , justiça , STF , decisão , eua , sbt ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos