Ministério Público grampeou ao menos 16,4 mil telefones

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 16/08/2013 - 15h10

Ao menos 16,4 mil telefones foram grampeados em investigações de promotores e procuradores do Ministério Público por todo o Brasil de janeiro até maio de 2013. É o que informa relatório apresentado no CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público), que destrinchou os sistemas de monitoramentos desses órgãos investigadores estaduais e federais.

O número de telefones grampeados deve ser ainda maior porque, de acordo com o relatório, o Ministério Público de São Paulo forneceu informações incompletas, e os estados de Minas Gerais, Maranhão, Piauí e Rio Grande do Norte não informaram.

O relatório revela também que 292 e-mails foram monitorados - sendo que 9.558 pessoas são investigadas. O conselheiro do CNMP Fabiano Silveira apresentou os números nesta semana durante julgamento de pedido de providências feito pela OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) em 2012.

Leia mais notícias do Brasil e do mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: grampo , grampos , telefone , telefônicos , ministério público , investigações , zoomin ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos