Nem negocia suposta venda de um fuzil AK47

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 02/12/2011 - 21h30

Um vídeo de 19 minutos que teria sido entregue por uma moradora da Rocinha à Polícia Civil foi o principal indício para a decretação da prisão temporária do ex-presidente da associação de moradores da favela, William de Oliveira, o William da Rocinha, na manhã desta sexta-feira (2). As imagens sem áudio mostram William, Antônio Francisco Bonfim Lopes, o Nem, e o suspeito identificado como Alexandre Leopoldino em uma suposta negociação e venda de um fuzil AK-47. William é assessor parlamentar da vereadora Andrea Gouvêa Vieira (PSDB), há cinco anos, e foi candidato derrotado a deputado estadual em 2010.


Saiba mais em Vídeo mostra líder comunitário da Rocinha em uma suposta venda de fuzil



Palavras-chave: rocinha , tráfico , prisão , nem , fuzil , william de oliveira , ak-47 , arma ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos