Paulo Octávio renuncia ao governo do DF

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 24/02/2010 - 07h13

O governador interino do Distrito Federal, Paulo Octávio, renunciou ao cargo. Ele enviou uma carta à Câmara Legislativa, que foi entregue por deputados.

Na carta de seis folhas, Paulo Octávio diz que, sem apoio e condições políticas, tornou-se impossível permanecer à frente do poder executivo, sobretudo em circunstâncias tão excepcionais. Além disso, ele cita que, sem o apoio do DEM, as condições para solicitar respaldo de outros partidos foram perdidas.

Também nesta terça-feira, Paulo Octávio pediu a desfiliação ao DEM, por pressão da legenda. Ele assumiu o governo no dia 11, quando o governador José Roberto Arruda foi preso e afastado do cargo.

Os dois são suspeitos de participar de um esquema de arrecadação e pagamento de propinas. Com a renúncia de Paulo Octávio, o presidente da Câmara Legislativa, Wilson Lima, deve assumir interinamente o governo do Distrito Federal.

Leia mais no Último Segundo:

Paulo Octávio renunciou depois de conversa com Rodrigo Maia




Palavras-chave: apoio , falta , governador , deputados , paulo octávio , renúncia , escândalo , dem , condições políticas , df , Câmara Legislativa ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos