Peritos fazem teste com tiros na casa da família Pesseghini em São Paulo

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 19/08/2013 - 15h30

A Polícia Científica de São Paulo realizou na madrugada desta segunda-feira (19/08) um exame acústico na casa da família Pesseghini, na Brasilândia, zona norte de São Paulo.

Peritos dispararam tiros dentro da residência para checar se o som poderia ser ouvido pela vizinhança. O teste foi feito com o mesmo tipo de arma usada no crime, uma pistola .40, e no dia e horário estimados da chacina.

Para a polícia, Marcelo Eduardo Bovo Pesseghini, de 13 anos, é o principal suspeito de assassinar os pais, o casal de PMs Luiz Marcelo e Andreia Regina Pesseghini, a avó e a tia-avó. O garoto teria cometido os crimes com a arma da mãe na madrugada de segunda-feira (5/08), e, na manhã do mesmo dia, se suicidado.

Crédito: Jornal do SBT Manhã

Leia mais em Último Segundo:

Peritos fazem teste com tiros na casa da família Pesseghini em São Paulo


Palavras-chave: assassinato , chacina , igsp , zona norte , pms , policiais , polícia , marcelo pesseghini , investigação , crime , tiros , família , peritos , teste , são paulo ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos