PM é preso após atear fogo em motoqueiro em São Paulo

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 10/12/2012 - 10h03

Neste sábado (08/12), o policial militar Marcelo Ribeiro foi preso em São Paulo depois de atear fogo em um jovem motociclista, no bairro do Jabaquara, zona sul da capital paulista.


Washington da Silva, de 19 anos, que estava acompanhado de um amigo, identificado como William Gonçalves, 22, parou por ter ficado sem gasolina. Um casal ofereceu ajuda e foi buscar combustível.


Enquanto esperavam o retorno do casal, os jovens foram abordados por quatro policiais militares. Quando o casal voltou ao local com o combustível, um dos PMs jogou gasolina no jovem e depois ateou fogo nele com um cigarro.


O policial foi preso na hora pelos colegas e alega que o cigarro caiu por acidente. A corregedoria da PM investiga o caso.


O jovem foi levado ao hospital com queimaduras de 2º e 3º graus em 60% do corpo.


Crédito: SBT Brasil

Palavras-chave: acidente , fogo , sbt , policial , moto , motoqueiro , pm , corregedoria , fogo , são paulo , investigação , cigarro ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos