Polícia apura morte de ex-ministro do TSE

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 02/09/2009 - 12h15

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig

A polícia quer saber porque a empregada do ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral, José Guilherme Vilela, abriu a porta para a entrada dos criminosos.

Uma das hipóteses é que algum conhecido esteja envolvido no crime.

Vilela, a esposa e a empregada foram mortos a facadas, em Brasília.

Veja mais notícias no Último Segundo.



Palavras-chave: brasília , crime , juiz , investigação , tse ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos