Porta-voz lê carta de demissão de Erenice

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 16/09/2010 - 11h09

A ministra-chefe da Casa Civil, Erenice Guerra, não resiste às inúmeras denúncias de tráfego de influência e deixa o cargo.

Ela entregou a carta de demissão, nesta sexta-feira, após uma reunião com o presidente Lula.

O documento foi lido em um anúncio oficial pelo porta-voz da Presidência da República.

Leia mais no Último Segundo:

Erenice Guerra deixa o governo

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig

Palavras-chave: demissão , oposição , Erenice , acusação , depoimento , influências , tráfico , casa civil , ministra-chefe , escândalo ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos