Presos dois acusados de matar travesti na Paraíba

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 21/04/2011 - 11h55

Em menos de 72 após o assassinato do travesti Daniel Oliveira Felipe, 24 anos, morto de forma cruel em pleno Centro de Campina Grande, a Polícia da Paraíba convocou a imprensa para revelar os nomes dos autores do crime.


Um suspeito de 17 anos foi apreendido e um outro acusado de 24 anos foi preso na tarde do último domingo.


Dois outros integrantes do grupo estão sendo procurados pela polícia. O crime que revoltou o país depois que as cenas foram mostradas em rede nacional teria sido praticado por vingança. O assassinato foi registrado por câmeras de trânsito.


Demonstrando frieza, o adolescente de 17 anos confessou o crime para a polícia. O outro envolvido preso é Antônio Pereira da Silva, mais conhecido por “Naldo”, 42 anos, que além de participar do crime de forma direta, ainda teria fornecido apoio para o crime.

Palavras-chave: câmeras , assassinato , travesti , prisão , crime , morte , segurança , menor , paraíba ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos