'Somente fiz a cova', diz acusada de participar da morte de Bernardo

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 11/12/2014 - 10h17

Edelvânia Wirganovicz, amiga da madrasta de Bernardo Uglione Boldrini (menino encontrado morto em Frederico Westphalen, no Rio Grande do Sul em abril de 2014), afirmou em um vídeo que não matou a criança, mas que teria feito a cova do garoto.

No vídeo, Edelvânia também defende a inocência do irmão Evandro Wirganovicz. O juiz responsável pelo caso ouviu seis testemunhas de defesa nessa quarta-feira (10/12). O próximo passo é ouvir o depoimento dos quatro réus.

Palavras-chave: cova , bernardo , caso bernardo , morte , cavar , rio grande do sul , depoimentos , sbt ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos