SP: Taxista é baleado e morre após deixar hospital

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 02/05/2011 - 20h59

Um taxista que foi baleado após um assalto na zona sul de São Paulo morreu 12 horas após o crime.


Levado ao pronto-socorro, os médicos liberaram o paciente e não perceberam que a bala estava alojada na bexiga.


O médico que atendeu o taxista deu alta ao paciente com uma receita de analgésico. Segundo o especialista, a dor que ele sentia na região do abdômen era fome.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: morto , médico , abdômen , bala , hospital , projétil , morte , band , pronto-socorro , assalto , taxista , erro médico ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos