STF abre inquérito para investigar deputada

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 10/03/2011 - 17h30

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar a deputada federal Jaqueline Roriz, do Distrito Federal (DF). Ela aparece com o marido em um vídeo recebendo dinheiro de Durval Barbosa, o pivô do "Mensalão do DEM".

Nas imagens, gravadas há cinco anos, a candidata aparece ao lado do marido recebendo R$ 50 mil de Durval, ex-secretário de Relações Institucionais do DF.

Nesta quinta-feira (10/03), a OAB-DF pediu ao presidente da Câmara dos Deputados uma investigação rigorosa sobre o caso. O PSOL quer que a deputada federal seja cassada por quebra de decoro.

Por determinação do Ministério Público, a fita com as imagens da deputada recebendo dinheiro será periciada pela Polícia Federal. Durante o escândalo do "Mensalão do DEM", Jaqueline Roriz foi à tevê defender a ética e a transparência na política.

Leia notícias do Brasil e do mundo no Último Segundo.

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig






Palavras-chave: investigação , stf , deputada federal , Mensalão do DEM , jaqueline roriz ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos