Terremoto mata 65 na Nova Zelândia

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 22/02/2011 - 12h41

Pelo menos 65 pessoas morreram e várias permanecem presas sob os escombros após o terremoto registrado na terça-feira (22/02) em Christchurch, a segunda maior cidade da Nova Zelândia. Esta é a maior tragédia do tipo em 80 anos no país da Oceania.

Pessoas feridas e com sangue nos rostos deixavam os prédios e caminhavam perdidas pelas ruas. A televisão local exibiu cenas de pânico pouco após o tremor.

O terremoto de 6,3 graus aconteceu às 12h15, um horário de grande movimento, a 5 km da cidade e a apenas 4 km de profundidade. Vários tremores secundários foram registrados.

O prefeito de Christchurch, Bob Parker, declarou estado de emergência na cidade. O aeroporto foi fechado e a polícia anunciou o esvaziamento do centro da cidade.

Situada no Círculo de Fogo do Pacífico, a Nova Zelândia chega a registrar até 15 mil tremores por ano. Nessa área, que tem 40 mil km de extensão e circunda todo o oceano Pacífico, há cerca de 452 vulcões e intensos movimentos de placas tectônicas.



Leia notícias do Brasil e do mundo no Último Segundo.

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig





Palavras-chave: Christchurch , Nova Zelândia , terremoto ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos