Voo 447: Corpo resgatado passará por exame de DNA

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Brasil | 05/05/2011 - 15h59

A DGGN (Direção de Polícia Francesa) informou na manhã desta quinta-feira (05/05) que todos os corpos que forem resgatados do mar, onde ocorreu o acidente com o voo 447, da Air France, passarão por testes de DNA.


Segundo a polícia, mostras foram retiradas do local para, junto com as caixas-pretas, serem encaminhados a um laboratório de análises.


Até agora, apenas o corpo de uma das vítimas do acidente do Airbus em 2009 foi resgatado. Ao todo, 228 pessoas morreram na catástrofe. O corpo foi recuperado por equipes de resgate a 3.900 metros de profundidade.


Vários corpos foram localizados porque permanecem atados aos assentos do avião, que caiu no Atlântico pouco depois de decolar do Rio de Janeiro, segundo a DGGN, que destacou a dificuldade da operação de resgate.


"Depois de uma tentativa infrutífera, o corpo de uma vítima do voo 447, que caiu no Atlântico em 1º de junho de 2009, pôde ser levado a bordo do navio 'Ile de Sein' na manhã desta quinta-feira", afirma o comunicado.


Os destroços do Airbus foram localizados no início de abril em águas brasileiras, a 3.900 metros de profundidade, em uma zona de 600 por 200 metros, durante a quarta fase de buscas para localizar as caixas pretas do avião, que começou em 25 de março.


Com a Redação da Band.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em Último Segundo.


Palavras-chave: air france , frança , band , exame , mortes , polícia , vítima , mortos , corpos , DNA , corpo , airbus , resgate , vítimas , voo 447 ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos