Telescópio Alma capta imagem de galáxias em colisão

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Ciência | 05/10/2011 - 18h10

Depois de mais de uma década de trabalho, o Grande Conjunto de Radiotelescópios do Atacama (Alma, na sigla em inglês), o mais ambicioso projeto de astronomia terrestre que ainda está em construção no deserto do norte do Chile, iniciou suas operações observando com nitidez incomparável duas galáxias em colisão.


A primeira imagem revelada pela Alma corresponde às Galáxias das Antenas, um dueto de galáxias em colisão, situadas na constelação de Corvus e descobertas em 1785.


A observação foi feita durante fase de testes por 12 das 66 antenas interligadas que integram o megaprojeto, localizado na Planície Chajnantor, a 5.000 metros de altitude, no deserto do Atacama, quando ainda restam dois anos de construção.


O local, extremamente seco, oferece as melhores condições para a radioastronomia, que explora o universo através de ondas de rádio emitidas por galáxias, estrelas e outros corpos celestes, não captados pelos telescópios ópticos e infravermelhos que só percebem a luz visível.


Leia mais em iG Ciência:


Telescópio Alma capta imagem de galáxias em colisão

Palavras-chave: Atacama , deserto , Reuters , Alma , cientistas , imagens , telescópios , galáxia , galáxias , colisão , telescópio , ciência ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos