Vídeo da Nasa mostra destruição de estrela por buraco negro

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Ciência | 07/05/2012 - 16h33

Astrônomos da Nasa captaram evidências de um buraco negro destruindo uma estrela que se aproximou demais do local. É a primeira vez que os cientistas conseguem identificar a "vítima" do campo gravitacional do buraco negro. Os resultados foram publicados na versão online da revista "Nature" de maio de 2012.


O fenômeno descrito no estudo foi descoberto em 31 de maio de 2010, por meio de observações feitas com o telescópio Pan-STARRS 1, no Havaí. Uma luz inesperada surgiu de uma galáxia situada a 2,7 bilhões de anos-luz. A luz foi se intensificando até alcançar seu ponto culminante em 12 de julho daquele ano, antes de desaparecer gradativamente.


A luz veio de um buraco negro supermassivo, até então adormecido, localizado no centro de uma galáxia. Com massa equivalente a três milhões de vezes a do Sol, esse buraco negro equivale ao similar que está situado no centro da nossa galáxia.


Como um buraco negro não emite luz, ele não pode ser visualizado isoladamente. As observações são feitas com o uso de telescópios que captam raios emitidos pelas matérias que entram em contato com ele. Quando uma estrela passa muito perto de um buraco negro, ela é atraída por ele e pode ser despedaçada. Os gases que a constituem brilham pelo aquecimento causado no atrito.


Assista ao vídeo divulgado pela agência espacial americana.


Leia mais em iG Ciência.

Palavras-chave: haleakala , eua , astrônomos , telescópio , buraco negro , ciência , estados unidos , agência , destruição , campo gravitacional , nasa , havaí , agência espacial , astronomia , gravidade , espaço , estrela , vítima , fenômeno ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos