Empresas ainda resistem à inovação

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Economia | 25/02/2011 - 18h25

Para sobreviver em um mercado cada vez mais competitivo, as empresas buscam um diferencial. Mas no Brasil, ainda são poucas as que se preocupam com a área de inovação.

As empresas que investem em boas ideias descobrem logo as vantagens dessa aposta: produtos novos e criativos diminuem os desperdício e aumentam os lucros.

É consenso: inovar é fundamental para competir, principalmente no mercado mundial. Porém, no país, apenas 600 empresas participam de programas de incentivo à inovação, patrocinados pelo governo.

Os empresários reclamam da burocracia, mas admitem a falta de tradição do empreendedor brasileiro de apostar na inovação.

Segundo a Confederação Nacional da Indústria (CNI), diferentemente de muitos dos países inovadores, a maioria dos pesquisadores está nas universidades, e não dentro das empresas.

Leia mais em iG Economia.

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig









Palavras-chave: Confederação Nacional da Indústria , cni , empresas , inovação ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos