Preços baixos obrigam Zara venezuelana a limitar compra

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Economia | 01/12/2014 - 16h42

O governo venezuelano está transformando as mulheres em vítimas da moda. Os preços extremamente baixos, artificialmente criados pelo governo de Nicolas Maduro sobre todos os bens, forçou a gigante Zara a limitar as compras por pessoa.

Zara e outras marcas da Inditex, como a Pull & Bear e Bershka estão restringindo as compras mensais no país sul-americano a apenas cinco itens por pessoa. 

Palavras-chave: venezuela , preços , zara , economia , zoomin ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos