Alunos fazem vigília em homenagem a colega morto em tiroteio

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 28/02/2012 - 14h41

Moradores de Chardon, Ohio, realizaram uma vigília em memória ao aluno morto a tiros no Chardon High School, nesta segunda-feira (27/02).


De acordo com autoridades locais, o suspeito, que seria um aluno da escola, está sob custódia.


O estudante que morreu na ação do atirador foi identificado como Daniel Parmertor e tinha 16 anos.


De acordo com o porta-voz do FBI, a agente especial Vicki Anderson, o suposto atirador foi capturado perto de seu carro, a cerca de 1 km de distância da escola.


Por precaução, outros colégios da região foram fechados durante algumas horas. Chardon está localizada 50 km a leste de Cleveland, a segunda maior do Estado. Os estudantes gritaram e correram em pânico nos corredores quando o atirador começou a disparar logo depois do início das aulas na escola de 1,1 mil alunos.


Heather Ziska, 17, disse que estava na lanchonete quando ela e outros estudantes ouviram disparos no corredor. Ela disse ter visto um garoto que reconheceu como companheiros de estudos começar a atirar. Segundo Heather, ela e vários outros imediatamente correram para fora do local, enquanto amigos buscaram abrigo em uma instituição vizinha e outros se trancaram na sala dos professores.


Leia mais em Último Segundo:


Jovem ferido durante ataque em escola nos EUA tem morte cerebral

Palavras-chave: EUA , professor , jovem , Chardon High School , ferido , Estados Unidos , escola , tiro , morto , mortos , colégio , Reuters , memória , familiar , tiroteio , feridos , tiros , lanchonete , família , Ohio , homenagem , ensino médio , professores , vigília , adolescente , familiares ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos