Após escândalo com Berlusconi, Ruby quer deixar a Itália

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 02/05/2011 - 15h53

Após se envolver com o primeiro-ministro Silvio Berlusconi, Karima El Mahroug, a dançarina de origem marroquina, mais conhecida como Ruby, quer começar vida nova, longe da Itália.


Hospedada em uma estação de esqui, na Áustria, Ruby, falou que se sente vítima de uma enorme pressão. "Quero esquecer de uma vez por toda essa questão com Berlusconi", disse.


Atualmente com 18 anos, a dançarina é o centro de um escândalo - conhecido como "Rubygate" - que levou o premiê italiano, mais uma vez, a se ver com a Justiça de seu país.


Berlusconi, 74, é acusado de ter feito sexo pago com Ruby - que na época tinha 17 anos - no fim do ano passado. Os advogados sustentam que o premiê manteve relações sexuais com a dançarina em 13 ocasiões entre setembro de 2009 e maio de 2010.


Karima teria participado de festas eróticas, chamadas de "bunga bunga", na residência do primeiro-ministro, em Milão, junto com outras jovens. Ruby nega ter feito sexo com Berlusconi e trabalhar como prostituta.


O premiê também é acusado de abusar de sua influência para liberar Ruby, quando ela estava sob custódia em uma delegacia, sob acusação de furto. Berlusconi refuta as acusações e diz que o caso é politicamente motivado.


Segundo a dançarina marroquina, seu sonho é viver no México com o namorado. "Na Itália, eu não posso mais ficar. As pessoas falam mal de mim. Lá, não tenho uma vida normal", disse.


O julgamento de Berlusconi foi adiado para 31 de maio. Ruby, que é testemunha, não sabe se comparecerá ao tribunal. Seu advogado nega terminantemente que sua cliente tenha dormido com o primeiro-ministro italiano.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: menor de idade , itália , ruby , sexo , reuters , premiê , silvio berlusconi , prostituição , rubygate , escândalo , dançarina , berlusconi , primeiro-ministro ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos