Ataque com facas deixa ao menos vinte feridos em escola nos EUA

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 10/04/2014 - 08h26

A polícia ainda está tentando determinar o motivo que levou um adolescente de 16 anos a esfaquear 21 alunos e um guarda de segurança nos corredores lotados da escola Franklin Regional High School, em Murrysville, Pensilvânia, antes de um assistente da diretoria conseguir detê-lo, na quarta-feira (9/04).

Pelo menos cinco estudantes ficaram gravemente feridos no ataque, incluindo um jovem que teve o fígado perfurado por uma facada que por pouco não atingiu seu coração e a veia aorta, de acordo com os médicos. Outras vítimas também sofreram cortes profundos no abdome.

O surto de violência – que veio após décadas em que as escolas norte-americanas se preparam para emergências de fuzilamento em massa, não facadas - desencadeou debandada de alunos gritando, sangue no chão e paredes, e professores correndo para ajudar as vítimas.

O suspeito, Alex Hribal, foi levado sob custódia das autoridades para tratar de um ferimento na mão e em seguida, levado ao tribunal, algemado e ainda vestido com uma roupa hospitalar, para ser acusado de quatro crimes de tentativa de homicídio e 21 acusações de agressão agravadas. Ele foi preso sem direito a fiança e as autoridades disseram que o adolescente será processado como adulto.

Crédito: SBT Brasil

Leia mais em Último Segundo:

EUA vão processar adolescente por ataque em escola como adulto, diz autoridade

Palavras-chave: ataque , facas , faca , facadas , escola , ensino médio , vítimas , feridos , ferido , vítima , adolescente , prisão , surto , ataque , sbt ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos