Atirador da Noruega alega legítima defesa

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 16/04/2012 - 11h03

O homem de extrema-direita acusado de ser o autor de um massacre com bombas e tiros que deixou 77 mortos na Noruega admitiu, diante do júri, que cometeu os atos, embora tenha alegado que não é culpado das acusações criminais por ter agido "sob legítima defesa".


Anders Behring Breivik rejeitou a autoridade da Corte que o julga pelos crimes de 22 de julho do ano passado.


Leia mais no Último Segundo:


Extremista da Noruega alega legítima defesa para justificar massacre

Palavras-chave: julgamento , criminoso , ataques , Atirador , vítimas , atentado , violência , morte , Anders Behring Breivik , Noruega ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos