Ativista seminua protesta com serra elétrica a favor da banda Pussy Riot

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 17/08/2012 - 11h50

As três integrantes da banda punk ganharam mais um apoio nesta sexta: o das ativistas do grupo feminista Femen.


Em protesto, as mulheres do Femen usaram uma motosserra para cortar uma cruz ortodoxa erguida em memória às vítimas da repressão política em Kiev.


O processo tem gerado as mais diversas manifestações.


De Madonna ao ex-Beatle Paul McCartney, as estrelas pop do mundo pediram publicamente pela libertação das três integrantes.


Red Hot Chilli Peppers foi um dos primeiros grupos que prestou apoio às jovens - campanha que foi imediatamente seguida por Sting, Peter Gabriel, The Who e Bjork, entre outros.


Leia também no Último Segundo:


Rússia condena banda punk feminina que protestou contra Putin

Palavras-chave: seminua , Pussy Riot , Rússia , , banda , Ativista , manifestação , protesto ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos