China é o país que mais executa prisioneiros, diz Anistia Internacional

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 10/04/2013 - 12h08

A China voltou a ser, em 2012, o país que mais executou prisioneiros no mundo, conforme levantamento da ONG Anistia Internacional divulgado nesta terça-feira (9/04).


Apesar de não ter dados oficiais, a organização estima que mais de mil penas de morte tenham sido aplicadas no período pela potência asiática. É mais do que a soma dos casos de todos os países analisados.

 

Em seguida aparecem na lista o Irã, com ao menos 314 execuções registradas, o Iraque, com 129, a Arábia Saudita,com 79 e os EUA, com 43. Ainda estão no ranking o Iêmen (28), Sudão (19) e Japão (7).


Apesar dos números, a ONG aponta que a tendência global segue em direção ao fim do recurso à pena de morte.

 

Leia mais notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: china , chineses , chinês , chinesa , chinesas , anistia internacional , anistia , ong , irã , morte , pena de morte , execução , prisioneiros , prisioneiro , prisão , execução , zoomin ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos