Diretor da CIA pede demissão após confirmar caso extraconjugal com biógrafa

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 12/11/2012 - 12h27

Brilhante, elegante, confiante, ambiciosa: tudo parecia no lugar certo para Paula Broadwell, até que o relacionamento adúltero com o diretor da CIA David Petraeus provocou um escândalo e a demissão do herói da guerra no Iraque.


Esta morena de 40 anos e currículo impecável, casada com um radiologista e mãe de dois filhos, ex-major do Exército dos Estados Unidos, graduada em Harvard e na Academia Militar de West Point, se tornou especialista em combate ao terrorismo.


Foi ao escrever a biografia do chefe da CIA, um dos generais mais prestigiados da história recente americana, que ela iniciou com ele uma relação que acabou com a carreira e manchou a reputação de Petraeus.


Leia mais notícias do Brasil e do mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: cia , diretor , demissão , reuters , reputação , afeganistão , iraque , chefe , guerra , Paula Broadwell , David Petraeus , exército , biografia , diretor ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos