Equipes fazem buscas por estudantes na Nova Zelândia

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 09/08/2012 - 12h06

Os estudantes João Felipe Martins de Melo, brasileiro, e Stephen Lewis Kahukaka-Gedye, neozelandês - ambos de 17 anos -, escalavam uma rocha no Parque de Paritutu, na cidade de New Plymout, Nova Zelândia, quando caíram no mar, na tarde de quarta-feira (horário local). O instrutor Bryce John Jourdain, 42 anos, pulou na água para salvá-los, mas não voltou. Desde então, os três estão desaparecidos.


A polícia da Nova Zelândia disse que retomará as buscas às 7 horas de sexta-feira (16 horas de quinta-feira, horário de Brasília) - embora não tenha esperanças de encontrar as vítimas com vida.


As equipes de resgate tiveram dificuldades devido às condições do mar, com fortes ondas, que também impediram mergulhadores de realizarem as buscas no local.


Leia mais no Último Segundo:


Polícia não tem esperança de encontrar brasileiro desaparecido na Nova Zelândia

Palavras-chave: alunos , trilha , grupo , estudante , penhasco , jovem , reuters , , Nova Zelândia , resgate ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos