Espanha critica operação israelense em Gaza

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 29/12/2008 - 13h35

Cerca de mil pessoas, entre elas uma grande representação da colônia palestina em Madri, se reuniram diante da Embaixada de Israel na Espanha ao grito de `assassinos´ para protestar contra os ataques israelenses à Faixa de Gaza, que deixou cerca de 300 mortos.
Os manifestantes, convocados pela Associação Hispano-Palestina e pela Paz Agora, levavam dezenas de bandeiras palestinas e curdas e gritavam palavras de ordem contra a ocupação israelense e a favor da luta do povo palestino e da Intifada. Os bombardeios aéreos de Israel na Faixa de Gaza, entre sábado e domingo, deixaram cerca de 300 mortos e 900 feridos, dos quais cerca de 120 se encontram em estado grave.

Palavras-chave: Bombardeios , espanha , gaza , critica , operação , aéreos , israelense , embaixada , protestos ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos