Freira croata e médico italiano são mortos no Burundi

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 30/11/2011 - 15h26

Uma freira croata e um médico italiano foram mortos no Burundi - ambos trabalhavam em uma clínica psiquiátrica.


Um grupo invadiu o prédio e forçou a religiosa a entregar tudo o que tinha, antes de alvejá-la na cabeça. A seguir, sequestrou o médico e obrigou-o a levá-los longe do local da clínica.


Nenhum funcionário de organizações de ajuda humanitária tinha sido morto no país africano desde 2007.


Segundo a polícia, os responsáveis pelos crimes foram presos e estão ajudando os policiais nas investigações.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: mortos , áfrica , investigações , croácia , médico , burundi , assassinados , itália , croata , ajuda humanitária , italiano , freira , reuters ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos