Hong Kong esteriliza macacos urbanos

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 10/05/2011 - 23h09

Macacos selvagens parecem não se importar com a selva de concreto em Hong Kong, uma metrópole de asfalto e vidro com sete milhões de habitantes.


Na verdade, eles se adaptaram tão bem que o governo precisou criar métodos contraceptivos para impedir o crescimento da população. Os primatas são sedados e esterilizados.


“O programa tenta diminuir o ritmo de crescimento da população ou até reduzi-la. Seria melhor que vivessem em nossas áreas rurais”, declarou Shek Chung-tong, oficial de conservação.


A comida fácil dos humanos ajudou a elevar o número de animais para mais de dois mil e as reclamações também aumentaram. Os macacos ficaram conhecidos por perseguir pedestres, roubar bolsas e até carteiras.


A equipe de veterinários procurou soluções que não fossem simplesmente matar os macaquinhos atrevidos e conseguiram provar que animais selvagens podem viver ao lado do homem mesmo nas cidades mais modernas.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: população , hong kong , macacos , afp , esterilização , china , primatas , controle populacional ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos