Igreja é condenada por fraude na França

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 28/10/2009 - 14h21

A Justiça francesa condenou a Igreja da Cientologia por fraude e a pagar uma multa de 600 mil euros [cerca de R$ 1,54 milhão], mas autorizou o prosseguimento das atividades na França.

Um dos principais dirigentes da Igreja da Cientologia, que na França é considerada uma seita, Alain Rosenberg, foi condenado a dois anos de prisão com sursis e a pagar uma multa de 30 mil euros.

O tribunal considerou que uma multa seria mais oportuna que a proibição das atividades da Associação Espiritual da Igreja da Cientologia Celebrity Centre (ASES-CC) e da livraria SEL.

A condenação afetou as duas principais estruturas da Igreja da Cientologia na França, o Celebrity Centre, condenado a 400 mil euros [cerca de R$ 1,03 mi] de multa por fraude, e a livraria SEL, condenada a uma multa de 200 mil euros.

A Igreja da Cientologia, que reivindica 12 milhões de seguidores em todo o mundo e 45 mil na França, é considerada uma religião nos Estados Unidos, onde foi fundada em 1954 pelo escritor Ron Hubbard.

Na Espanha, Japão e Canadá, a igreja tem estatuto de associação religiosa. Na Alemanha também é considerada uma seita.

Acompanhe as notícias do Brasil e do mundo no Último Segundo.

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig

Palavras-chave: França , Igreja condenação , fraude , Igreja da Cientologia , multa ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos