Igreja Ortodoxa Russa condena a barriga de aluguel

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 26/01/2015 - 15h54

A prática é comum em países como a Rússia e a Ucrânia, mas nem por isso deixa de ser polêmica. A barriga de aluguel está legalizada nesses países e representa a esperança para muitos casais se tornarem vinculados geneticamente aos seus filhos.

Pagando entre 20 e 50 mil euros é possível alugar um útero. No entanto, a Igreja condena essa prática, alegando que são falsos valores ocidentais. Você concorda? 

Palavras-chave: barriga de aluguel , grávida , gravidez , útero , igreja , ortodoxa , rússia ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos