Ikea retira almôndegas com carne de cavalo de 14 países

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 26/02/2013 - 14h58

A polêmica da carne de cavalo atingiu mais uma rede varejo na Europa. A loja Ikea retirou almôndegas congeladas que eram comercializadas em unidades de 14 países, após detectarem vestígios da carne no produto. Em comunicado, a empresa afirmou estar testando mais lotes de almôndegas e que não irá tolerar ingredientes que não foram pré-estabelecidos em suas receitas.

 

A companhia retirou os produtos da Eslováquia, República Checa, Hungria, França, Grã-Bretanha, Portugal, Itália, Holanda, Bélgica, Espanha, Grécia, Chipre e Irlanda. O escândalo teve início após a descoberta que carne de cavalo estava sendo vendida aos consumidores como se fosse de origem bovina.

 

Leia mais notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

 

 

Palavras-chave: carne de cavalo , Ikea , suspensão , produto , Reino Unido , Portugal , Bélgica , Holanda , descoberta , reuters , contaminação , almôndegas , ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos