Integrantes do Pussy Riot são julgadas em Moscou

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 30/07/2012 - 18h13

Três integrantes do grupo punk feminista russo "Pussy Riot" alegaram ser inocentes, na primeira audiência do julgamento que pode condená-las a sete anos de prisão.


As artistas foram presas após protestarem contra o presidente Vladimir Putin.


Em fevereiro de 2012, o grupo invadiu o altar de uma catedral ortodoxa de Moscou para cantar uma música, pedindo que a Virgem Maria depusesse o ex-espião da KGB e criticando a relação do novo chefe de Estado com os religiosos russos.


Leia mais notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: integrantes , Pussy Riot , catedral , grupo , protesto , anti-putin , reuters , ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos