Japão: Empregados de usina sofrem queimaduras

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 25/03/2011 - 13h24

Dois funcionários que trabalharam nas tentativas de resfriamento do reator da usina nuclear de Daiti, no Japão, foram levados a Tóquio com queimaduras por radioatividade.


Eles, e mais um outro colega de trabalho, substituíam um cabo do reator da usina de Daiti.


O porta-voz da Agência de Segurança Industrial e Nuclear do Japão disse que os homens portavam medidores de radiação, porém igonoraram o soar do alarme.


Autoridades declararam que os funcionários foram expostos a níveis de radiação 10 mil vezes mais alto que o esperado.


Mais de 700 engenheiros estão trabalhando 24 horas por dia para estabilizar os seis reatores do complexo de energia atômica de Fukushima, danificados pelo terremoto de 11 de março.


Leia mais sobre os problemas nas usinas nucleares japonesas em:


Japão investiga possível dano em núcleo de reator de Fukushima

Palavras-chave: tremor.terremoto , energia atômica , usina nuclear , explosão , internação , radiação , empregados , Daiti , funcionários , hospital , Reuters , queimaduras , contaminação , reator nuclear , usina de Daiti , usina , Japão , energia atômica , tsunami , Fukushima , reator , energia nuclear , crise , reatores nucleares , reatores , radioatividade ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos