Jovem de 15 anos é acusado de matar a família nos EUA

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 21/01/2013 - 15h19

A polícia do Estado do Novo México, nos EUA, divulgou nesta segunda-feira (21/01) que o suspeito de ter matado uma família - pai, mãe e três crianças - em uma casa na cidade de Albuquerque (EUA) é o filho mais velho do casal, de 15 anos.

 

O adolescente Nehemiah Griego teria atirado com várias armas, incluindo um rifle, contra o pai Greg, 51, a mãe Sarah, 40, o irmão Zephania, 9, e as irmãs Jael, 5, e Angelina, 2, na madrugada de sábado (19/01), segundo informações do jornal "Albuquerque Journal".

 

Ele, que está preso no centro de detenção juvenil do condado de Bernalillo, teria atirado primeiro na mãe e nos irmãos e esperou por cinco horas até o pai, o pastor Greg Griego, filho de um ex-senador, chegar para matá-lo também.

 

De acordo com a polícia, todas as vítimas sofreram vários ferimentos a bala e ainda não ficou claro se as armas estavam dentro da casa.

 

Em seguida, autoridades acreditam que Nehemiah teria colocado várias armas carregadas, incluindo o rifle, na van da família, com planos de dirigir ao supermercado Walmart mais próximo para fazer mais vítimas e, eventualmente, morrer em uma troca de tiros com a polícia.

 

Leia mais notícias do Brasil e do mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: eua , estados unidos , americano , americanos , americana , americanas , atentado , atentados , morte , mortes , assassinato , assassinatos , vítima , vítimas , arma , armamento , armamentos , armas , rifle , rifles , tirador , jovem , adolescente , pai , mãe , filho , filha , família , novo méxico , albuquerque , reuters ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos