Mais da metade dos presos de Guantánamo está em greve de fome

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 22/04/2013 - 08h28

 

Mais da metade dos 166 detentos da prisão militar americana de Guantánamo, em Cuba, está em greve de fome. Os detidos tomaram a medida para protestar contra a prisão indefinida, segundo um alto funcionário do local.

 

Já são 84 os presos que se negam a receber comida, entre eles 16 que são alimentados à força por meio de sondas, cinco dos quais estão internados. De acordo com o tenente-coronel Samuel House, nenhum deles corre risco de vida.

 

Leia mais notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

 

 

Palavras-chave: presos , Guantánamo , zoomin , greve de fome , presidiários , detentos , penitenciária , Cuba , governo , EUA , base militar , condições , infraestrutura ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos