Número de vítimas sobe para 281 na Itália

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 09/04/2009 - 13h55

No quarto dia de tarefas de remoção de escombros na região de Abruzzo, devastada pelo terremoto de 5,8 graus na escala Richter que sacudiu o centro do país, o primeiro-ministro, Silvio Berlusconi, ofereceu seu balanço oficial pela primeira vez desde Roma, após o final do Conselho de Ministros. Na reunião ministerial, o chefe do Executivo italiano confirmou que foi decidido suspender o pagamento das hipotecas e das despesas domésticas das vítimas da tragédia.

Palavras-chave: terremoto , parentes , itália , brasileiros , mortes , vítimas ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos