Polícia ucraniana tenta retomar praça ocupada por manifestantes

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 11/12/2013 - 11h47

A tropa de choque da polícia ucraniana tentou dispersar os manifestantes pró-União Europeia (UE) acampados na Praça da Independência, no centro de Kiev, na madrugada desta quarta-feira (11/12).

A partir dos extremos da praça, os policiais foram acuando os manifestantes por volta das 2h no horário local (22h de terça em Brasília), removendo barricadas e barracas instaladas.

A praça está ocupada há duas semanas por manifestantes contrários à decisão do governo de pôr fim às negociações para se tornar membro da União Europeia e à reconstituição dos laços econômicos com a Rússia.

Na noite desta terça-feira (10/12), terminou o prazo dado pelo governo da Ucrânia para que os manifestantes desocupassem o local. Apoiando-se em uma decisão judicial e pedindo aos ativistas que mantivessem a calma, os policiais atravessaram as barricadas montadas em vários pontos da praça, palco de uma nova contestação popular.

Os manifestantes apresentaram resistência à ação da polícia e, segundo as primeiras informações, o confronto foi violento e há vários feridos no local.

Leia mais notícias do Brasil e do mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: ucrânia , ucraniano , polícia , ucranianos , ucraniana , praça da independência , kiev , praça , desocupação , polícia , tropa de choque , ativistas , ativista , manifestação , manifestantes , manifestante , protesto , protestos , zoomin ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos