Reação à catástrofe nuclear em Fukushima foi exemplar

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 01/06/2011 - 12h19

O Japão subestimou o risco de um tsunami para a central de Fukushima, mas sua reação à catástrofe nuclear foi "exemplar", afirmou nesta quarta-feira (01/06) a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA).


O relatório foi elaborado pelo grupo de especialistas da Agência encarregado de investigar o acidente na central nuclear, devastada pelo tsunami que varreu o nordeste do Japão em 11 de março passado.


O fornecimento de energia elétrica ao complexo foi interrompido após o impacto do tsunami, paralisando o sistema de refrigeração dos reatores atômicos e dando início à crise nuclear.


O relatório destaca ainda a necessidade de "independência da autoridade de regulação nuclear" japonesa, atualmente sob a tutela do ministério da Indústria.


Leia mais notícias sobre o Brasil e o mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: terremoto no Japão , catástrofe , tragédia , Japão , energia atômica , energia nuclear , tsunami , Fukushima , relatório , terremoto ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos