Refém australiano é libertado por grupo terrorista nas Filipinas

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 25/03/2013 - 12h11

Um cidadão australiano que há 15 meses era refém do grupo terrorista muçulmano Abu Sayyaf, que age no sul das Filipinas, foi libertado na madrugada de sábado (230/03) em Mindanao. Warren Rodwell, de 54 anos, que apareceu cansado e mais magro, foi recolhido pelos corpos de segurança e militares americanos na cidade de Pagadian, capital da província de Zamboanga do Sul.

 

A Abu Sayyaf, a mais radical e violenta das organizações islâmicas que atuam nas Filipinas, exigira US$ 2 milhões por seu resgate. Rodwell foi sequestrado em 5 de dezembro de 2011 em sua casa, na cidade de Ipil, na província de Zamboanga Sibugay, a 100 quilômetros de onde ele foi resgatado. A família do australiano agora pede justiça.

 

Leia mais notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: australiano , liberdade , Filipinas , cativeiro , Warren Rodewell , sequestro , casa , islâmicos , policiais , captura , imprensa , sequestradores , rapto ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos