Rei do Bahrein decreta estado de emergência

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 15/03/2011 - 12h16

O rei Hamad do Bahrein decretou estado de emergência de três meses, depois que tropas da força conjunta dos países do Golfo entraram no país para ajudar a combater os protestos antigoverno.


A oposição bareinita, liderada por xiitas, criticou a "ocupação estrangeira" após a chegada das tropas, que ajudam a restabelecer a ordem no momento em que se intensifica a contestação à dinastia sunita dos Al-Khalifa.


Mais de mil soldados sauditas já chegaram a Bahrein. A televisão estatal divulgou imagens mostrando "a frente" de um contingente militar prestes a entrar em Bahrein proveniente da Arábia Saudita.


Em Bahrein, os ativistas exigem reformas políticas e uma verdadeira monarquia constitucional. Muitos pedem a saída da dinastia sunita dos Al-Khalifa que governa este país, cuja população é em sua maioria xiita.


Leia mais notícias do Brasil e do Mundo no Último Segundo.

Palavras-chave: invasão; Golfo , protesto , manifestação , ocupação , xiitas , estado de emergência , exército , tropas , Bahrein ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos