Síria autoriza mulheres e crianças a deixar Homs, cidade sitiada por tropas do governo

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 27/01/2014 - 10h38

O acordo foi anunciado pelo mediador das Nações Unidas, Lakhdar Brahimi, em Genebra, no final do segundo dia de negociações para a paz Síria. Respondendo às críticas de que ele estaria sendo muito lento nas negociações, Brahimi afirmou que a cautela nesse momento era a forma mais rápida de conseguir bons resultados.

O acordo está sendo visto como o primeiro sinal de progresso nas negociações destinadas a por fim à guerra que até agora já causou cerca de 130 mil mortes e criou dois milhões de refugiados. As negociações deverão ainda abordar o futuro do presidente Assad. 

Leia mais notícias sobre Brasil e o mundo em Último Segundo.

Palavras-chave: Síria , cidade , sitiada , Homs , tropas , governo , Nações Unidas , Lakhdar Brahimi , Genebra , zoomin ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos