Supermercado na China vende só `amor´

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 08/02/2010 - 19h18

Um novo supermercado foi inaugurado na cidade de Pequim, na China.

Só que em lugar de vender frutas, alimentos, bebidas e outros produtos, o supermercado é especializado num único tipo de mercadoria: amor.

Sob o slogan, “vendemos amor e nada mais”, o supermercado traz em suas prateleiras fichas de pessoas solteiras que estão procurando por um parceiro para namorar ou quem sabe para um compromisso mais sério.

As fichas estão cadastradas de acordo com nomes, sexo, idade e renda para que os “clientes” que vão ao mercado possam “comprar” o que mais lhes interessar. É só olhar, ver se o “produto” agrada e colocar no carrinho.

Assim que o cliente faz a escolha, a equipe do supermercado ajuda o solteiro (ou solteira) a entrar em contato com a pessoa e começar daí um relacionamento.

Os mentores do supermercado do amor acreditam que o negócio pode se tornar muito lucrativo, já que é um facilitador maior do que os sites de namoro.

Ali, afinal, se pode ter uma ideia mais clara do candidato ou candidata, sem correr o risco de censura na rede. Para o supermercado, a quantidade de solteiros e solteiras justifica o empreendimento.



Leia notícias do Brasil e do mundo no Último Segundo.

ACOMPANHE AS NOVIDADES DA TViG PELO TWITTER: http://twitter.com/tvig

Palavras-chave: pequim , amor , sonhos , supermercado , vendas , china ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos