Suprema Corte do Paquistão condena primeiro-ministro por desacato

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 26/04/2012 - 13h57

A Suprema Corte condenou nesta quinta-feira (24/04) o primeiro-ministro paquistanês Yousuf Raza Gilani por desacato, ao se negar de reabrir um antigo caso de corrupção contra o atual presidente Asif Ali Zardari, mas o poupou de uma pena de prisão ao concluir a audiência, em um caso que provocou tensões políticas no país.


A sentença contra o primeiro-ministro Yousuf Raza Gilani parecia ser parte de um compromisso, mas poderia acarretar problemas ao premier por ter sido condenado em um tribunal. Isto significa que poderia ser destituído do cargo em algumas semanas, ou talvez nos próximos meses.


Seu advogado disse que vai recorrer da sentença, no caso de que qualquer acão seja tomada possa significar a perda do cargo de Gilani.



Palavras-chave: prisão , política , audiência , primeiro-ministro , presidente , condenação , Yousuf Raza Gilani , desacato , reuters , suprema corte , gilani , corrupção ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos