Taxista morre após ser algemado e arrastado na África do Sul

enviar por e-mail
* campos são obrigatórios
corrigir
* campos obrigatórios
Mundo | 28/02/2013 - 18h53

Uma cena de violência, registrada nas ruas de Joanesburgo, na África do Sul, chocou o mundo. Um motorista de táxi, de 27 anos, morreu após ser algemado e arrastado pelas ruas da capital sul-africana. Autoridades do país abriram uma investigação para apurar o caso envolvendo uma patrulha policial.

 

Imagens divulgadas pelo jornal “The Daily Sun” mostram a violência dos agentes, que prendem o rapaz e o colocam com as mãos algemadas na parte de trás de uma viatura. Quando o carro começa a andar, um policial tenta levantar os pés do suspeito para que ele não encoste no chão. No vídeo, é possível perceber que o carro aumenta a velocidade e o homem começa a ser arrastado a força.

 

A vítima, identificada como Mido Macia, era de Moçambique. Segundo a polícia, ele teria agredido um agente e roubado sua arma depois que um grupo de policiais pediu que ele retirasse seu veículo de uma área, que segundo eles, estaria atrapalhando o trânsito. A vítima foi encontrada morta dentro de uma delegacia em Daveyton, ao leste de Johannesburgo. Um legista local disse que a causa da morte teria sido provocada por uma hemorragia interna e ferimentos na cabeça.

Palavras-chave: taxista , crime , violencia , África do Sul , corregedoria , investigação , morte , motorista , táxi , Joanesburgo , algema , choque , revolta ,

Gostou?

VIDEOS RELACIONADOS

Ver todos